top of page

Ataque cardíaco: 5 sinais de alerta que você não pode ignorar

Um ataque cardíaco, também conhecido como infarto do miocárdio, é uma situação médica emergencial e um dos principais causadores de mortes em todo o mundo. Ele ocorre quando o fluxo sanguíneo para uma parte do coração é bloqueado, geralmente por um coágulo de sangue, resultando na morte das células do coração devido à falta de oxigênio.


Embora um ataque cardíaco possa ocorrer de repente, na maioria das vezes ele é precedido por alguns sinais e sintomas que, se identificados e tratados precocemente, podem salvar vidas. Neste post, vamos discutir os cinco principais sinais de alerta de um ataque cardíaco.

  1. Dor no peito: Este é o sintoma mais comum de um ataque cardíaco. Geralmente é descrito como uma sensação de pressão, aperto, plenitude, ou dor no centro ou no lado esquerdo do peito, que dura mais de alguns minutos ou que vai e volta.

  2. Desconforto em outras áreas do corpo: Em alguns casos, a dor ou desconforto pode se espalhar para outras áreas do corpo, como braços (especialmente o esquerdo), ombros, pescoço, mandíbula, estômago ou costas.

  3. Dificuldade para respirar: Este sintoma pode ocorrer juntamente com a dor no peito ou mesmo antes dela. Pode parecer que você não consegue pegar ar suficiente.

  4. Outros sintomas: Além da dor no peito e da falta de ar, um ataque cardíaco também pode causar suor frio, náusea, vômitos, tontura, fadiga inusual, ou sensação de desmaio.

  5. Sintomas silenciosos: Em algumas pessoas, especialmente as mais idosas, as mulheres e as pessoas com diabetes, um ataque cardíaco pode ocorrer sem os sintomas clássicos. Nesses casos, os sintomas podem ser mais sutis, como desconforto no peito leve ou falta de ar, fadiga, indigestão, azia, ou sudorese.

Se você ou alguém próximo a você apresentar qualquer um desses sintomas, procure atendimento médico imediatamente. No ICOR - Instituto do Coração de Passo Fundo, temos uma equipe médica altamente qualificada e pronta para atendê-lo em caso de emergências cardíacas.O coração humano é uma obra-prima de engenharia biológica. Pequeno, aproximadamente do tamanho do nosso punho fechado, mas poderoso, é o principal órgão do sistema circulatório e o responsável por distribuir o sangue, rico em oxigênio e nutrientes, para todo o nosso corpo.


Como uma máquina, o coração nunca para. Bate em média 70 vezes por minuto, o que representa mais de 100.000 batimentos por dia, e cerca de 2,5 bilhões de vezes ao longo de uma vida média de 70 anos. Mas como funciona esse incrível órgão?


A anatomia do coração é complexa. Ele é dividido em quatro cavidades: duas superiores, chamadas átrios (direito e esquerdo), e duas inferiores, chamadas ventrículos (direito e esquerdo). As paredes dessas cavidades são formadas por um tipo especial de músculo, o miocárdio, que tem a capacidade de se contrair de forma rítmica e autônoma.


O processo de circulação do sangue inicia-se no átrio direito, onde o sangue venoso (pobre em oxigênio) é coletado e enviado ao ventrículo direito. De lá, é bombeado para os pulmões através das artérias pulmonares. Nos pulmões, o sangue se enriquece com oxigênio e retorna ao coração, desta vez ao átrio esquerdo. O sangue oxigenado é então enviado ao ventrículo esquerdo, de onde é bombeado para todo o corpo através da artéria aorta.


Esta dinâmica de bombeamento contínuo e eficiente, que ocorre graças à contração e relaxamento rítmicos do miocárdio, permite que todas as nossas células recebam o oxigênio e os nutrientes de que necessitam para funcionar corretamente.


No entanto, o coração é também um órgão delicado. Distúrbios como hipertensão arterial, diabetes, obesidade, tabagismo, sedentarismo, entre outros, podem causar danos ao coração, levando a doenças como infarto do miocárdio, insuficiência cardíaca, arritmias, e outras condições cardiovasculares graves.


Por isso, é fundamental cuidar da saúde do coração. Práticas como uma alimentação balanceada, rica em frutas, verduras, e grãos integrais, a prática regular de atividades físicas, a manutenção do peso ideal, o controle do estresse, e a realização de check-ups periódicos, são algumas das estratégias que podem ajudar a manter o coração saudável e prolongar a nossa vida.


No ICOR - Instituto do Coração de Passo Fundo, nós somos especializados no cuidado do coração. Nosso time de profissionais altamente qualificados está sempre pronto para ajudá-lo a cuidar da sua saúde cardiovascular e garantir que o seu coração continue a bater forte por muitos anos. Venha nos visitar!


56 visualizações0 comentário

Comments


Logotipo WhatsApp
bottom of page